Switch to |
EntrePortas - Imobiliária

5 dicas para festejar os Santos populares e fazer um arraial em casa

5 dicas para festejar os Santos populares e fazer um arraial em casa

Os santos populares fazem parte da tradição, sobretudo no Norte de Portugal.

Saiba o que pode e não pode fazer para festejar os santos populares em sua casa.

Este ano não haverá baile nem balão, nem sardinhas nem manjericos, nem fogo nem farra na rua. Aliás, é por causa da sucessão de feriados e festejos dos santos populares, sobretudo no Norte de Portugal, e também pela reabertura das fronteiras aéreas agendada para o início de julho, que o Governo português decidiu prolongar o estado de calamidade até às 23:59 do próximo dia 28 de junho. Pelas mesmas razões, a Direção-Geral da Saúde (DGS) já anunciou que não serão permitidos eventos e atividades que reúnam mais de 20 pessoas. O objetivo é sempre o mesmo: evitar a propagação do novo coronavírus.

Os arraiais foram cancelados, mas não é caso para ficar triste. É uma bela altura para dar largas à imaginação e promover aquela festa em casa que sempre desejou, mas que foi sempre adiando porque nunca conseguia convencer os seus amigos e familiares a ficarem no seu terraço ou jardim em vez de irem para a rua. O São João celebra-se sempre em grande estilo no Porto, diante do Rio Douro, no cais de Gaia e em Vila do Conde. A tradição do São Pedro é notada mais na Póvoa de Varzim. Onde quer que seja a sua quintamoradia ou apartamento, não tem razão para não celebrar os santos com as suas pessoas mais chegadas. Pense nas vantagens: pode fazê-lo em segurança, sem se preocupar com o trânsito caótico destes dias e sem se afligir com o cansaço dos miúdos, que às vezes obriga a mudar os planos destas noites longas.

 

Artigo relacionado: Conheça as melhores casas em Vila do Conde enquanto celebra o São João

 

ENTREPORTAS sugere-lhe 5 pistas para organizar um arraial de sucesso em casa. Só precisa de boa disposição, boa vontade e alguma imaginação, para fazer da sua casa o palco de uma festa memorável.

1. Sardinhas no centro da ementa

Que a primeira sugestão seja para comprar sardinhas não parece lá muito criativo, é verdade. A sugestão não se prende com a criatividade, mas com a poupança. Este ano poderá comprar mais sardinhas por menos dinheiro, porque o quilo está muito mais barato. A pesca está autorizada apenas durante dois meses, mas o cancelamento dos arraiais vai inevitavelmente baixar a procura. Por isso, se for à lota de Matosinhos ou da Póvoa de Varzim, o quilo vai sair-lhe a pouco mais de um euro. Pode já não se lembrar, mas no ano passado, o quilo custava, em qualquer supermercado ou restaurante, mais de dez euros. Não se esqueça de comprar também um pequeno grelhador. E eleve a sua ementa, apostando também nos legumes na brasa. Ninguém resiste a uma beringela fatiada no meio de entrecosto. Aos convidados cabe levar o vinho e a cerveja. A sangria pode fazer parte das tarefas partilhadas.

2. Não prescinda da decoração

Claro que sabe bem chegar a casa no fim de uma noite de festa e não ter nada para limpar nem para arrumar. Mas este ano abra o espírito e conceda-se uma exceção. No Porto, por exemplo, haverá três dezenas de locais para venda ambulante de manjericos. Se pode decorar a sua varanda com plantas verdadeiras, que ainda por cima deixam aquele cheiro inimitável das festas populares, não opte por plantas em papel. Em papel faça outros enfeites, como grinaldas para pendurar na porta e dar as boas vindas aos convidados. Não se esqueça de comprar vários balões de ar quente para libertar durante a noite. Se tem filhos, de certeza que eles nunca mais vão esquecer o ano em que as festas populares foram festejadas em casa.

 

Artigo relacionado: Descubra as tendências de decoração para o lar em 2020

 

3. Banda sonora da festa

Se a festa é popular, a música tem de ser popular. Talvez nunca lhe tenha passado pela cabeça levar o Toy ou o Quim Barreiros para dentro de casa, mas não caia na tentação de criar uma playlist que não tem nada que ver com a festa. Ou pior, não cometa o erro de não pensar em playlist nenhuma. Para lhe resolver o problema, plataformas como o Youtube e o Spotify já fizeram todo o trabalho de casa. Basta pesquisar, por exemplo, por São João, e surge-lhe uma série de listas que poderá escolher, com mais temas portugueses ou brasileiros. Não se esqueça de verificar, na sua área de residência, o limite horário para a tolerância de barulho.

4. Construa uma cascata

Não é decoração, é simbolismo. É como não prescindir de fazer o presépio de Natal embora já tenha decorado a árvore. A cascata de São João, com as suas cores garridas e as suas pequenas figuras, representa a gratidão pela abundância da vida. Antigamente, era algo que se fazia depois de uma colheita. Escolha um lugar do seu jardim ou da sua varanda e desafie cada um dos seus convidados a levar um objeto importante para ajudar a construir. No fim, tire uma fotografia para recordar o ano, talvez o primeiro, talvez o único, em que fez um São João ou um São Pedro a sério em casa.

5. Finalmente, selecionar o grupo de convivas

Casa, São João

Selecionar apenas vinte pessoas nunca é fácil. Escolha pessoas próximas, que sabe que cumpriram as mesmas regras que adotou em casa. E, mesmo assim, peça-lhes que tirem (ou troquem) os sapatos à entrada e disponibilize gel para as mãos. Não é exagerado pedir-lhes também que usem máscara. Lembre-se de que o número de convidados não é fixo, terá de avaliar em função do tamanho da sua casa. Não caia na tentação de sugerir que, no fim do jantar, "podem todos ir ter lá a casa". Não podem. Quantos mais cuidados prévios tiver, mais irá divertir-se depois.

 

Artigo relacionado: Portugal eleito um dos melhores países para viver depois do Covid-19

PESQUISAR
PEDIDO DE CONTACTO
PARTILHAR EM:

Imóveis em Destaque: Norte de Portugal

Seixas, Caminha
€ 280 000
Moradia térrea para venda Seixas, Caminha
Ref.: C01970
615 m2 800 m2 3 3
Póvoa de Varzim, Beiriz e Argivai, Póvoa de Varzim
€ 380 000
Venda de Moradia V3 isolada, Beiriz, Póvoa de Varzim
Ref.: PV03418
760 m2 3
Santa Maria Maior e Monserrate e Meadela, Viana do Castelo
€ 65 000
Lote - Meadela(Portuzelo)
Ref.: 3676
314 m2 314 m2
Santa Maria Maior e Monserrate e Meadela, Viana do Castelo
€ 35 000
Loja Monserrate
Ref.: 7648
Tabuado, Marco de Canaveses
€ 49 780
Venda Terreno, Tabuado, Marco de Canaveses
Ref.: MC00385
3 000 m2
Valadares, Baião
€ 49 000
Venda Moradia V3 individual, Valadares, Baião
Ref.: MC08941
800 m2 900 m2
Copyright 2018 © ENTREPORTAS.  |   LUXIMO'S
Contacte-nos