Pedido de Reunião Virtual
Switch to |
EntrePortas - Imobiliária

9 truques para organizar a sua casa de acordo com o Feng Shui

9 truques para organizar a sua casa de acordo com o Feng Shui

Já ouviu falar do Feng Sui, a milenar arte chinesa que ajuda a equilibrar as energias de sua casa, potenciando o bem estar da sua família?

Se parássemos um pouco para pensar, rapidamente chegaríamos à conclusão que é um pouco estranho que a maioria das pessoas, independentemente de viver numa moradia ou num apartamento, numa casa grande ou pequena, no Norte de Portugal ou no Sul do país, acabe por decorar os espaços interiores mais ou menos da mesma forma, dispondo os móveis numa geometria idêntica. Talvez nada disso seja propriamente por acaso. Há uma ancestral crença chinesa, já com mais de cinco mil anos, segundo a qual a disposição dos equipamentos e do mobiliário domésticos, bem como os objectos de decoração, interferem na harmonia familiar. Porque impulsiona ou trava a energia, o movimento, o que nos faz estar bem. Essa crença ou disciplina chama-se Feng Shui e há muitos anos que está enraizada, também, na cultura ocidental. 

Essa crença, que contempla os cinco elementos da natureza para criar harmonia - terra, água, fogo, metal e madeira -, preconiza ainda que nós, seres humanos, devemos estar próximos da natureza, mesmo quando estamos dentro de casa. Daí que as plantas e as flores sejam grandes aliadas do Feng Shui. Elas são encaradas como veículos que purificam o ar e renovam as energias. A combinação de cores e objectos também podem aumentar ou diminuir o nosso equilíbrio.

 

Artigo Relacionado: Saiba quais são as seis divisões-chave na decoração da casa em 2021

 

Assim, a primeira aprendizagem a ter em conta na organização do nosso imóvel é que cada divisão deve ter um ambiente e um propósito específicos. E que a decoração deve ser iniciada a partir de um móvel-chave. Geralmente parte-se das peças maiores, como o sofá, a cama ou a mesa. São essas peças que estão na "posição de comando". A imobiliária ENTREPORTAS sugere-lhe mais nove truques para obter o máximo conforto no seu lar.

 

1. Hall de entrada

O hall de entrada é o primeiro lugar que pisamos quando chegamos a casa. É um espaço que deve estar sempre iluminado e limpo. E, de preferência, decorado com plantas e espelhos, para atrair as boas energias. Em espaços pequenos, opte sempre por cores claras. 

 

2. Quarto de dormir

O quarto não deve ser confundido com o local de trabalho. Decore-o com almofadas, mantas e cortinas, mas nunca com aparelhos eletrónicos. Nesta divisão, a peça-chave é a cama. A cabeceira da cama deve estar sempre encostada a uma parede que não tenha janelas, nem que sirva de paredes-meias com a casa de banho. Também nunca deve ser colocada em frente à porta. No caso de fazer questão de ter um espelho no quarto, ele nunca deve estar numa posição em que consiga ver a sua imagem nele refletida quando está na cama. Simplesmente porque perturba o sono. Se duvida, faça o teste: cubra o espelho durante alguns dias e repare na mudança de qualidade do seu descanso. 

 

3. Cozinha

Para o Feng Shui, a cozinha é considerada um lugar sagrado, porque é o lugar do alimento e da gratidão. Nela, o equipamento central é o fogão. Ele é o eletrodoméstico que representa a prosperidade da propriedade. Por isso, deve estar sempre em bom estado e nunca posicionado ao lado da banca da louça nem do caixote do lixo. As laranjas são também sinónimo de abundância, pelo que é aconselhável ter uma taça de laranjas à vista. Há algumas ervas aromáticas que também podem fazer milagres pela energia da cozinha: o manjericão, porque é afrodisíaco; o alecrim, porque lava a tristeza; a sálvia, porque fortalece a concentração; e a pimenta, porque é um acelerador de energia. De resto, é importante que a cozinha esteja sempre bem iluminada e que nunca haja torneiras a pingar. 

 

4. Casa de banho

A casa de banho é a divisão da casa mais susceptível para o Feng Shui, pelo que é importante manter não só a porta fechada como também o tampo da sanita. É aconselhável substituir os azulejos partidos, se os tiver, e trocar ciclicamente a cortina do banho. Tal como na cozinha, as torneiras devem estar bem vedadas. Torneiras que vertem significam energia desperdiçada. Por outro lado, o espaço deve estar sempre limpo, fresco e arejado. Plantas ou flores são bem vindas, velas e incenso também.  

 

5. Sala de estar

A sala é a divisão onde a família se reúne e os amigos são recebidos. Sendo predominantemente um espaço de convivência, a peça-chave é o sofá. De acordo com o Feng Shui, o sofá deve estar sempre virado de frente para a porta principal e encostado numa parede sem janelas. O excesso de móveis e outros objectos não deve atrapalhar a passagem. Um espelho na sala de jantar duplica o tamanho da divisão e atrai a abundância. 

 

 

Artigo Relacionado: Onde investir em 2021: Viajar ou comprar casa?

 

6. Escritório

Também no escritório, a secretária ou mesa de trabalho nunca deve estar de costas voltadas para a porta. Idealmente, deve estar mesmo colocada no centro. As gavetas e as portas dos móveis devem abrir com facilidade, o que significa que estarão arrumadas e organizadas. É aconselhável deixar exposto algum elemento divertido ou inspirador, porque ele vai fomentar a sua criatividade.

 

8. Espelhos

Os espelhos têm três funções básicas: valorizar um objeto, ampliar o espaço ou iluminar um recanto escuro. Mas, para o Feng Shui, os espelhos têm também a função de equilibrar a energia. Sem a sua presença em casa, diz esta crença milenar, a energia fica estagnada. Se o seu objectivo é ampliar o espaço, olhe de frente para cada parede e pense qual delas gostaria de eliminar. É nessa parede que deve colocar o espelho. Se pretende valorizar um objecto, coloque o espelho mesmo ao lado desse objecto, porque ele vai iluminá-lo e duplicá-lo. Se a ideia é iluminar um canto escuro, faça o seguinte exercício: ao longo do dia, tente perceber que parte da casa é iluminada pela luz natural. No lugar onde o sol bate, instale o espelho. Ele irá refletir essa luz pelos outros cantos.

 

8. Objectos pesados no teto

A primeira razão que nos ocorre para não colocar objectos pesados do teto obedece ao mais elementar bom senso: podem cair e magoar alguém. Mas não se trata apenas de uma justificação racional. Candeeiros ou prateleiras pesadas em locais de passagem estimulam, mesmo que inconscientemente, a insegurança e a ansiedade.

 

9. Jardim e varanda

Se tem uma casa com jardim ou uma varanda cheia de vasos com plantas, deve cuidar delas. As flores devem ser podadas, estar frescas e saudáveis. É importante ter pelo menos uma flor branca, para atrair pessoas úteis e, idealmente, uma fonte de água. A iluminação e o espaço livre são também essenciais. O mobiliário de jardim não deve ser colocado no centro, precisamente para que a energia possa circular.

 

Artigo Relacionado: 6 Passos para construir uma casa de raiz à sua medida

PESQUISAR
PEDIDO DE CONTACTO
PARTILHAR EM:

Imóveis em Destaque: Norte de Portugal

Afife, Viana do Castelo
PREÇO SOB CONSULTA
Moradia V5 (Luxo) Nova - Afife
Ref.: VCM09380
2 814 m2 5
Castelo do Neiva, Viana do Castelo
€ 157 000
Apartamento T2 - Castelo de Neiva
Ref.: VCC12560 (B)
2
Areosa, Viana do Castelo
€ 320 000
Terreno/Loteamento - Areosa
Ref.: VCM11591
2 050 m2 2 050 m2
BAIXA DE PREÇO
São Mamede Recezinhos, Penafiel
€ 40 000
Venda Terreno, São Mamede de Recezinhos, Penafiel
Ref.: MC08709
4 800 m2
REDUÇÃO DE PREÇO
Fajozes, Vila do Conde
€ 215 000
Venda de Terreno com 28000 m2, Fajozes, Vila do Conde
Ref.: VC03243
28 000 m2 28 000 m2
Póvoa de Varzim, Beiriz e Argivai, Póvoa de Varzim
€ 18 000
Venda de Loja, Póvoa de Varzim
Ref.: PV06575
Copyright 2018 © ENTREPORTAS.  |   LUXIMO'S